26/09/2016 | falando sobre Fitness

Aproveitando esse calor que vai e volta, resolvi falar um pouco mais sobre a natação. Além de questões óbvias como a necessidade, aprender a nadar vai muito além de uma simples prática esportiva ou de diversão. No post anterior, falei sobre os benefícios sobre andar de bike e agora vamos à piscina!

natacao

NATAÇÃO E O ESTRESSE

Não sei vocês, mas mesmo eu que não sou muito fã de água quando estou nadando, me sinto livre e me acalmo instantaneamente! Acontece que, para aliarmos respiração e movimento, necessitamos de uma dose extra de concentração. Essa concentração nos faz esquecer de tudo e todo o conjunto libera a tal da endorfina, mais conhecida como hormônio do bem-estar.

FALTA DE IMPACTO

Normalmente quando iniciamos a prática de algum esporte, é comum que o impacto causado por ele nos cause algum incômodo na fase de adaptação, mas com a natação é diferente! Quando submerso, o nosso corpo se torna mais leve, o que favorece a movimentação e fortalece partes do corpo, como nossas articulações,

EMAGRECIMENTO

Nadar contribui para a queima da calorias, controlando o peso.

FLEXIBILIDADE/FORTALECIMENTO

Diferente da musculação na academia, nadar trabalha simultaneamente todo o corpo. Além fortalecer os músculos, nadar estimula o alongamento do corpo, tornando mais flexíveis todas as articulações e ligamentos.

O CORAÇÃO AGRADECE

“Os movimentos corporais de braços, pernas e tronco, associados ao trabalho respiratório na água, fortalecem a musculatura cardíaca, eliminando a gordura existente ao redor do coração, tornando esse órgão vital mais forte e diminuindo a incidência de doenças cardiovasculares, já que ocorre um aumento na capacidade de bombear sangue pelo corpo, estimulando também a circulação sanguínea, devido a pressão da água.” (Amaral)

MELHORA A RESPIRAÇÃO

“Por ser praticada em um ambiente úmido, a natação pode ajudar a reduzir e prevenir os sintomas de asma. Também é responsável por fortalecer os músculos torácicos, aumentando a elasticidade e o volume dos pulmões devido a prática de exercícios de respiração e ampliando a capacidade de absorver oxigênio.” (Amaral)

Espero que tenham gostado! Vamos aproveitar mais o nosso tempo livre nos dias de sol e dar aquele up na saúde.

Por Luiza Gomes
22/09/2016 | falando sobre Blogs

O mercado publicitário digital está crescendo e, com isso, a “profissão blogueira” vem sendo cada vez mais valorizada. Talvez por isso a vontade de trabalhar com internet esteja se tornando cada vez mais desejada. O que muita gente não sabe é que não basta apenas criar um blog. Para fazer sucesso este trabalho requer dedicação, estudo e muita prática.

Há um tempo criei o Guia Definitivo Para Blogs, nele disponibilizei conteúdo para quem quer aperfeiçoar seu trabalho com o blog ou até mesmo começar do zero. Esse post é mais um da sequência especial para blogueiras e blogueiros. O objetivo é ajudar na escolha do nome e falar um pouco sobre domínio e hospedagem.

Criando um blog - Dicas sobre o nome, domínio e hospedagem

Escolhendo o nome do blog

O nome do seu espaço virtual não precisa traduzir o seu conteúdo de forma rápida, mas escolher palavras que passem a mensagem errada também não é uma opção. Existem basicamente três opções:

  1. Seja específico: Pense no conteúdo que você disponibilizará, é um tema específico? Você quer deixar isso claro para os seus leitores? Se sim, escolha palavras-chave e tente encaixá-las de forma criativa e bonita. Caso o seu blog fale sobre maquiagem, por exemplo, utilize palavras que remetem a isso, como make, batom, blush, etc. Exemplos reais: Passando blush, Morando sozinha, Boca rosa, Cacheia.
  2. Seja amplo: Se você não fala apenas sobre um tema específico, mas também não quer limitar a ideia que as pessoas tem do seu conteúdo, escolha palavras que não se relacionem diretamente com algo. Um exemplo fácil de visualizar é o nosso. O que uma garota diz? O que várias garotas dizem? Uma imensidão de coisas. Como falo sobre diversos assuntos e todas as colaboradoras que já passaram por aqui são mulheres, o título se encaixa e deixa uma ideia ampla. Exemplos reais: Garotas Dizem, Depois dos Quinze.
  3. Seja pessoal: Usando seu nome ou termos que remetem a você, não tem erro. O público saberá que o que tem pra ver ali é sua opinião sobre diversos assuntos e pronto. Exemplos reais: Just Lia, O mundo de Jess, Evelyn Regly.

Outro ponto eu já citei algumas vezes nos últimos anos e minha opinião continua a mesma: Opte por um nome fácil de memorizar. Se você quer alcançar o número grande de pessoas, não faz sentido escolher palavras em outra língua com pronúncia e escrita difíceis. Em blogs famosos isso não é um problema, pois o tio Google sugere logo de cara o nome correto e mostra o link original, mas pra quem está começando poderia ser um enorme empecilho. Diminuindo o tráfego o crescimento se torna mais difícil. Lembrando essas não são verdades absolutas, apenas a minha opinião sobre o assunto!

Sobre domínio e hospedagem

Domínio nada mais é que o link que você utiliza para chegar a um site. Hospedagem é onde você carrega os arquivos desse site. O Garotas Dizem nasceu na plataforma do blogger utilizando hospedagem gratuita e sem domínio próprio, sendo encontrado apenas pelo endereço garotas-dizem.blogspot.com (alguém lembra dessa época¿). Em seguida, optei por comprar um domínio próprio. Não é caro, o pagamento é feito anualmente e o valor não passa de R$50,00. Apenas esse ano resolvi migrar para o wordpress e utilizar hospedagem paga, e me arrependo de não ter feito isso antes. É mais fácil, melhor e mais profissional.

O domínio atual do blog (www.garotasdizem.com.br) é pago na empresa registro.br. O contato com eles é feito apenas uma vez por ano e nunca tive problemas. Sempre recebo o e-mail avisando da data de pagamento anual com um mês de antecedência, pago e só. Outras empresas para comprar seu domínio são: Rede Host, GoDaddy.

Já a minha hospedagem é feita pela Nuvem Hospedagem, empresa que eu recomendo. Escolhi o meu plano entre os existentes e desde então o blog está no ar funcionando perfeitamente.  Como é um serviço mensal, o contato é feito de forma mais recorrente. Já precisei corrigir erros no blog que eu não soube fazer sozinha e eles deram apoio. Quando envio e-mail o atendimento sempre é feito com muito cuidado e de forma rápida, além de que eles sempre fazem questão de perguntar se o problema foi resolvido e se tem algo mais que eu precise. Tenho amigas que usam o serviço e também tem comentários positivos sobre. Outras empresas para hospedar o seu site podem ser encontradas na internet, mas como é um serviço de extrema importância, indico aqui apenas o que sei que vocês podem confiar.


Então é isso, pessoal. Espero que tenham gostado do post e que ele possa ser útil de alguma forma. Se você gosta de conteúdos relacionados a blogs continue acompanhando o Garotas Dizem, nos próximos dias vou falar sobre formas eficientes de divulgar os seus posts. Além disso, visite o Guia Definitivo Para Blogs e aproveite os posts internos e externos já disponíveis.

Por Lorenna Guerra
Páginas12345... 178»

Top