Para blogs

Beleza

Decoração

Compras Moda

Em busca do meu armário-cápsula: Desapegar faz bem

Já faz um tempo que tenho vontade de montar meu armário cápsula e transformar meu modo de comprar roupas. Enrolei durante alguns meses com a desculpa de que não tinha dinheiro pra comprar novas peças, porém, recentemente resolvi “mudar de vida” em vários aspectos e percebi que enquanto eu não tomasse alguma atitude, continuaria adiando meus planos.

Foi por isso que comecei a ler bastante sobre o assunto em blogs gringos, até que encontrei o blog da Gabi Barbosa, uma brasileira que é bastante conhecida por dar ótimas dicas relacionadas a esse assunto. Seus textos me inspiraram bastante, e juntamente com o livro A mágica da arrumação, da autora Marie Kondo, me deram um empurrãozinho pra tomar essa difícil decisão: Fazer uma limpeza no guarda roupas e abrir mão de todas (eu disse TODAS) as peças que eu não usava, seja por não me sentir bem usando, não combinar com outras peças ou não servir mais. Ah, as roupas de festa não contam, como vestidos para formatura, casamento e etc.

Abri meu guarda-roupas e tirei tudo lá de dentro. Separei as roupas em dois montes, um com peças que eu com certeza não usaria de novo e outro com peças que eu gostaria de usar de novo  ou não tinha certeza se queria abrir mão. Depois, revisei esse segundo monte me fazendo as seguintes perguntas:

  1. Essa peça serve em mim?
  2. Essa peça me faz feliz?
  3. Essa peça é confortável?
  4. Essa peça combina com quantas outras?

Se a resposta de alguma das três primeiras perguntas fosse não ou se combinasse com menos que cinco outras peças do meu guarda-roupas, eu me despediria dela também. E sem essa de pensar que pode voltar a servir. Eu engordei um pouco no último ano e várias vezes durante esse processo de análise cogitei a ideia de manter alguns shorts (que eu amava) pra que eles me incentivassem a emagrecer novamente, porém, lembrei que eles não me serviam mais porque mesmo quando estava mais magra, essas peças já eram muito justas, e isso é algo que eu não quero mais.

Uma das partes legais de ter um armário-cápsula é que as peças na maioria das vezes são mais larguinhas, de forma que sejam sempre confortáveis e não te façam refém de manter certo peso. É claro que minha intenção não é engordar mais, pelo contrário, porém, acho que caso eu queira emagrecer ou manter um peso X, isso deve ser feito por mim, e não pra caber em uma roupa.

Armário Cápsula Consumo Consciente Desapegando de roupas pouco usadas como combinar roupas desapegar de roupas renovar o guarda roupas shorts

O que mais me assustou ao finalizar essa operação, foi perceber a quantidade de roupas que eu tinha e não usava há anos. Ficavam ali, apenas ocupando espaço em casa e sempre que eu via, pensava: “essa aqui não dá pra usar”, “essa peça não combina com nada”, “preciso emagrecer pra usar esse short”, “preciso perder barriga pra usar essa blusa”, etc… eu tinha ciência de que deveria fazer algo com essas peças já faz um tempo, mas apenas agora que parei pra juntar todas percebi o quanto eram numerosas. Pra vocês terem ideia, foram 14 shorts, 9 vestidos, 11 calças, 21 blusas, 6 agasalhos e mais alguma peças (como cachecóis, tocas, etc). Ao todo foram 73 peças, dentre as quais algumas vou vender em um bazar online e outras vou doar para uma instituição de caridade (juntamente com as que eu não conseguir vender no prazo de uma semana). Eu doaria todas, mas como estou precisando de um dinheirinho pra comprar peças básicas (principalmente blusas, já que estou com pouquíssimas) resolvi tentar ganhar uma graninha com as peças mais conservadas.

Armário Cápsula Consumo Consciente Desapegando de roupas pouco usadas como combinar roupas desapegar de roupas renovar o guarda roupas Gatinha dentro da mala Mia Gata tricolor

Quem gostou de toda essa bagunça foi a Mia, minha gatinha. Ela achou um máximo essa mala aberta encima da cama, com um tanto de roupa fofinha dentro pra ela deitar e puxar pra lá e pra cá. Foi um custo tirar essas fotos com ela por perto, no fim da história, ela acabou aparecendo em todas!

Como esse não é um processo imediato, a não ser que você tenha muito dinheiro, vou buscando meu armário cápsula aos poucos e resolvi falar mais sobre isso aqui no blog. Os próximas posts serão:

  1. Dicas para montar seu armário cápsula (e ser um consumidor consciente)
  2. Definindo a paleta de cores do seu armário cápsula e o estilo das peças
  3. Lojas online para comprar roupas básicas para o seu armário cápsula

Pra finalizar, deixo aqui uma última foto com algumas das peças que já estão incluídas no meu guarda-roupas. Por essa imagem já dá pra notar quais as cores estarão presentes na minha paleta, não é? Ah… Caso tenham interesse, posso mostrar as peças escolhidas por mim nos próximas posts sobre o assunto.

Armário Cápsula Consumo Consciente Desapegando de roupas pouco usadas como combinar roupas desapegar de roupas renovar o guarda roupas

Gostaram deste post? As informações contidas aqui foram úteis para você? Deixe seu comentário, sua opinião é muito importante para nós. Apenas dessa forma conseguiremos continuar produzindo conteúdo especial para nossas leitoras.